segunda-feira, 4 de julho de 2011

Tão pouca aventura

Ah, que bom seria se eu pudesse te abraçar, beijar, sentir. Te dar o carinho que você merece ter, eu sei ter amar como ninguém mais te amou. Eu vivo por tão pouca aventura e por muita loucura. Me enclino pro lado do sim, mas essa tão pouca experteza que me faz a falta em meu manto. Me adapto para o ser ou querer ser mas como a própria seleção natural, me fez assim. Toda essa situação me deixa em tão disperssa sonhadisse de ser o que sempre quis ser.

6 comentários:

opiniaodesegunda disse...

Parabéns pelo blog!

Luiza Jardim disse...

Adorei sonhadisse.... ótimo neologismo!!!

http://ocotidianodecadadia.blogspot.com/

Até!

tarcio tavares disse...

Me amarrei no seu blog.Estou seguindo com gosto.Vejo que é fã do Teatro Mágico...Abraços man!


http://aondeasvesvao.blogspot.com/

Rejane Bruck disse...

Muito bom o teu blog, parabéns! Estou seguindo!!!
Segue o meu blog, também: http://rejanebruck.blogspot.com
Beijo!

Lucas D.F. disse...

muito bonito o texto tou te seguindo
se quiser retribuir ficarei contente
http://meninos-cor-de-rosa.blogspot.com/

Lucas D.F. disse...

ahhh adoro essa musica

Postar um comentário

 

Copyright © 2011-2012 Todos os direitos reservados Equilíbrio Necessário | by TNB